Bem-vindo à BOL. O nosso site usa cookies e outras tecnologias para personalizar a sua experiência e compreender como você e os outros visitantes usam o nosso site.
Para ver uma lista completa das empresas que usam estes cookies e outras tecnologias e nos informar se podem ou não ser utilizadas no seu dispositivo, aceda à nossa página de política de cookies.

Concordo
Distrito Sala
Detalhe Evento
CTB | UM PICASSO

CTB | UM PICASSO

Teatro & Arte | Teatro

Theatro Circo

Pequeno Auditório
Classificação Etária
Maiores de 14 anos
Bilhete Pago
A partir dos 3 anos
2018
jun
06
a
2018
jun
07
Realizado

Abertura Portas

21:00

Intervalo

Sem Intervalo.

Produtor

CTB – Companhia de Teatro de Braga, CRL

Sinopse

“Paris ocupada pelos alemães. A Gestapo “quer” uma obra de Picasso para uma “vernissage”. Picasso é levado para um bunker, onde conhece uma atraente loura que está ali em missão secreta: obter a autenticação de Picasso em, pelo menos, um de três autorretratos do artista. Pretende incluir Picasso numa vernissage com obras de Klee, Miró e Léger. Depois de uma apaixonante esgrima verbal entre o artista e a agente, Picasso acaba por assumir os três desenhos, de diferentes períodos da sua vida. Feliz pela missão cumprida e pelo desenrolar da relação entre eles, Fraulein Ficher convida Picasso a sair dali com ela e o pintor indaga onde e quando ocorrerá a exposição? Pela resposta evasiva percebe que se trata, afinal, de uma manifestação nazi onde se queimarão obras de “arte degenerada”. A reação de Picasso é violenta, passando a negar a autenticidade dos desenhos, com a agente a exigir uma justificação mais plausível. Picasso satisfaz com argumentos a exigência e deixa a loura sem o objectivo final da sua visita: uma obra autenticada. Depois de mais uma luta verbal intensa e estimulante, o artista começa a desenhar a própria Fraulein, continuando o jogo de sedução. Picasso acaba por destruir o retrato e tenta violá-la. Na luta, ela cospe-lhe no rosto e ele volta ao desenho para tentar captar a raiva da mulher, incentivando-a a despir-se…”
RUI MADEIRA

Ficha Artística

Autor: Jeffrey Hatcher | Tradução: Brian Head | Encenação e espaço cénico: Eduardo Tolentino de Araújo | Com: Rui Madeira e Solange Sá | Figurinos: Manuela Bronze | Ambiente sonoro: Pedro Pinto | Criação vídeo: Frederico Bustorff | Desenho de luz: Antonio Simón| Design gráfico e fotografia: Paulo Nogueira

Partilhar
Quadrilátero
FPGS 2018 | Geral

Serviços Adicionais

Veja ainda:

NESSI GOMES

Música & Festivais | Música

Theatro Circo

Sala Livre